Gênesis, TEB

Gênesis é o primeiro livro da Torá judaica e da Bíblia cristã. Por narrar a criação em forma de mito é um dos livros bíblicos mais atacados por cientistas e ateus. Mas o fanatismo científico é tão prejudicial quanto o religioso. Antes de criticar um livro, leia ele. A palavra gênesis significa "no princípio" e poderíamos sintetizar os 50 capítulos em 9 eventos ou personagens principais:
1. A criação (1)
2. Adão e Eva (2-3)
3. Caim e Abel (4)
4. Noé e o dilúvio (5-11)
5. Abraão, Ló e Sodoma e Gomorra (12-23)
6. Isaque (24-26)
7. Esaú e Jacó (27-33)
8. Os 12 filhos de Jacó (34-36, 49-50)
9. José do Egito (37-48)
O que mais salta aos olhos na TEB é a não tradução de nomes de pessoas e lugares para a língua portuguesa. Assim, ao invés das escritas mais usuais, aparecem Shet (Sete), Henoc (Enoque), Metushálah (Metusalém), Shem (Sem), Ham (Cã), Iéfet (Jafé), Nimrod (Ninrode), Lot (Ló), Malki-Sédeq (Melquisedeque), Qadesh (Cades), Isaac (Isaque), Leá (Léia) etc. Uma das inconsistências é que Canaã foi mantido, mesmo sendo filho de Ham e seu nome derivar do nome do pai. Provavelmente manteve-se os nomes da tradução francesa em que a TEB se baseou ou buscou-se aproximar-se das pronúncias judaicas atuais naquela região, o que é algo infantil de se fazer. Quem mora no Brasil vai falar a pronúncia daqui, ainda mais se pronúncia estrangeira for estranha aos ouvidos brasileiros. Usar Iéfet ao invés de Jafé obrigaria o uso de Iéxua ao invés de Jesus. Ou a regra vale para todos ou não vale para nada.

Algumas palavras poderiam ser substituídas por outras mais fáceis para o leitor comum: prolífico, clarividência, cardo, cimos, migrante, plátano, alburno, terebinto, goma adraganta, ládano, hieródula, sarmentos, macérrimas, amanho, corvéia, áspide etc. As referências ao ato sexual são muitas vezes confusas: conhecer ("tenho duas filhas que não conheceram homem"), deitar ("Tomou-a e deitou-se com ela"), tomar ("eu a tomei para mim por mulher"), vir ("não há homem na região para vir a nós"). A menstruação é "aquilo que acontece às mulheres".

Sem dúvida, uma das passagens que mais ficaram estranhas na TEB foi a de Gênesis capítulo 18 versículo 12: "Sara pôs-se a rir consigo mesma e disse: 'Murcha como estou, poderia eu ainda gozar? E meu senhor é tão velho!'"

A tradição judaica acredita que as histórias contidas em Gênesis foram retransmitidas oralmente, sendo assentadas por escrito somente na época dos reis de Israel. Dentre as histórias mais belas já escritas pelo homem encontra-se a de José, vendido por seus irmãos como escravo ao Egito que, anos depois, assumindo o posto de representante do faraó, tem a oportunidade de salvar a sua família. É uma lição de humildade, perdão e bondade. Gênesis traz também textos considerados proféticos, que iriam cumprir-se muitos anos depois, alguns em Jesus Cristo. Mesmo que o leitor considere um mito, é bem mais educativo que a novela das 8.
"De fato, o aspecto da transferência de atributos, de umas personagens para as outras é facilmente reconhecida no próprio livro em si. No Antigo Testamento há a história de José. José era um protótipo de Jesus. José nasceu de um milagre, Jesus nasceu de um milagre. José tinha 12 irmãos, Jesus tinha 12 discípulos. José foi vendido por 30 peças de prata, Jesus foi vendido por 30 peças de prata. Irmão "Judá" sugere a venda de José, o discípulo "Judas" sugere a venda de Jesus. José começa os seus trabalhos aos 30, Jesus começa aos 30 também. Os paralelismos continuam." (trecho do filme Zeitgeist)
O tempo de vida dos personagens bíblicos em Gênesis também é de uma sequência peculiar (note o gradual decréscimo):
Adão - viveu 930 anos.
Shet - 912 anos.
Enosh - 905 anos.
Henoc - 365 anos ("
desapareceu: Deus o arrebatara", 5:24).
Metushálah - 969 anos (quem mais viveu entre os homens).
Noé - 950 anos (Deus decreta: "
os dias do homem serão 120 anos", 6:3).
Shem - 600 anos.
Abraão - 175 anos.
Isaac - 180 anos.
Jacó - 147 anos.
José - 110 anos.
Seguem alguns versículos e comentário para reflexão:
3:4-5 - A serpente disse à mulher: "Não, vossa morte não está marcada. É que Deus sabe que no dia em que dele comerdes, vossos olhos se abrirão e sereis como deuses, possuindo o conhecimento do que seja bom ou mau." (outros mitos, como o de Prometeu, falam da descoberta do conhecimento pelo homem como a origem do mal)

3:7,21 - Os olhos de ambos [Adão e Eva] se abriram e souberam que estavam nus. Tendo costurado folhas de figueira, fizeram tangas para si. [...] Deus fez para Adão e sua mulher vestiduras de pele, com as quais os vestiu. (se nem fazer roupas decentes o homem conseguia, que conhecimento é esse que ele ganhou comendo do fruto?)

3:17-18,29;8:21 - Ele [Deus] disse a Adão: "Por teres escutado a voz da tua mulher e comido da árvore da qual eu te havia formalmente prescrito não comer, o solo será maldito por sua causa. É com fadiga que te alimentarás dele todos os dias da tua vida; ele fará germinar para ti espinho e cardo, e tucomerás a erva do campo." [...] [Lémek] Deu-lhe o nome de Noé dizendo: "Ele nos reconfortará dos nossos trabalhos e da fadiga que um solo maldito pelo SENHOR impõe às nossas mãos." [...] O SENHOR aspirou o perfume aplacador e disse a si mesmo: "Nunca mais amaldiçoarei o solo por causa do homem. Sem dúvida, o coração do homem se inclina para o mal desde a sua junenturde, poirém nunca mais flagelarei todos os viventes como fiz." (o solo estava amaldiçoado desde Adão até Noé, mais tarde se revela quem foi o primeiro agricultor)

4:17 - Caim conheceu sua mulher, que engravidou e gerou Henoc. Caim pôs-se a construir uma cidade e deu à cidade o nome do seu filho Henoc. (provavelmente uma irmã de Caim, pois Adão e Eva tiveram "filhos e filhas". Caim foi o primeiro prefeito também)

6:4 - Naqueles dias, os gigantes estavam na terra; e ainda estavam nela quando os filhos de Deus vieram ao encontro das filhas de homem e tiveram filhos delas. São os heróis de outrora, homens de renome. (lendas como a de Hércules, deuses e semi-deuses gregos têm base bíblica)

9:20 - Noé foi o primeiro agricultor. Plantou uma vinha e tomou o vinho dela, embriagou-se e encontrou-se nu no interior da sua tenda. (ou seja, todo homem tem a capacidade de pegar algo bom e estragar, até Noé)

19:26-28 - A mulher de Lot olhou para trás e se tornou uma coluna de sal. [...] Abraão... lançou o olhar sobre Sodoma... e viu que uma fumaça subia da terra como a fumaça de uma fornalha. (porque só ela virou sal se ambos fizeram a mesma coisa ao mesmo tempo? machismo? magina...)

20:2;26:6-8 - Abraão disse de sua mulher Sara: "É a minha irmã", e Abimélek, rei de Guerar, tomou-a para si. [...] Isaac passou a habitar em Guerar. A gente do lugar o inquiriu acerca de sua mulher. "É minha irmã", respondeu ele. Receava dizer que era sua mulher, temendo ser morto pela gente do lugar devido à beleza fascinante de Rebeca. Lá, ele passara longos dias, quando Abimélek, rei dos filisteus, olhou pela janela e viu que Isaac se divertia com Rebeca, sua mulher. (dejavú: coincidência estranha acontecer em tempos diferentes a mesma situação no mesmo lugar com pai e filho)

38:15 - Judá a viu e a tomou por uma prostituta, pois estava com o rosto coberto. No caminho foi ter com ela e disse: "Eis, eu me deito contigo!" Pois não tinha reconhecido que era sua nora. Ela respondeu: "Que me dás para comigo deitares?" [...] Ora, três meses depois, informaram a Judá: "Tua nora Tamar se prostituiu. Ainda mais, ei-la grávida de sua prostituição!" "Seja posta fora e queimada!" retrucou Judá. (num só versículo, aparecem como normais a prostituição e o sexo com parentes. o casamento levirato era uma forma da decêndencia de um falecido não desaparecer, mas os filhos dessa relação aqui não foram computados mais tarde como do filho de Judá, mas dele. outro detalhe: enquanto ele, viúvo, podia dar suas escapadinhas, ela, viúva, não podia. machismo? queisso)

39:1,6-8 - Tendo José descido ao Egito, Potifar, eunuco do Faraó, o despenseiro-mor egípcio, adquiriu-o das mãos dos ismaelitas que o haviam levado para lá. [...] Ora, José era belo de rosto e de porte e, após esses acontecimentos, a mulher do seu senhor deitou-lhe os olhos e lhe disse: "Deita-te comigo". (tá explicado a reação da mulher: o marido dela era eunuco!!!)
Postar um comentário