Cora Coralina

O saber se aprende com os mestres. A sabedoria, só com o corriqueiro da vida.

O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada. Caminhando e semeando, no fim terás o que colher.

Não sei se a vida é curta ou longa demais para nós. Mas sei que nada do que vivemos tem sentido se não tocarmos o coração das pessoas.

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.

Cora Coralina é o pseudônimo usado por Ana Lins dos Guimarães Peixoto Bretas (1889-1985), poetisa goiana. Publicou o seu primeiro livro, Poemas dos Becos de Goiás, com 75 anos. Em 1983 foi eleita intelectual do ano e ganhou o Prêmio Juca Pato.
Postar um comentário