Fernando Pessoa

Fernando Pessoa
Todos os meus escritos ficaram inacabados; sempre novos pensamentos se interpunham, associações de idéias extraordinárias e inexcluíveis, de término infinito
........................
O Caráter da minha mente é tal que odeio os começos e os fins das coisas, porque são pontos definidos.

Nas faldas do Himalaia, o Himalaia é só as faldas do Himalaia. É na distância ou na memória ou na imaginação que o Himalaia é da sua altura, ou talvez um pouco mais alto.

Fernando Pessoa (1888-1935) foi poeta e escritor português. Assinou várias de suas obras com os heterônimos Álvaro de Campos, Ricardo Reis e Alberto Caieiro.
Postar um comentário