O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry

Compre o Pequeno Príncipe"Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas" - Saint-Exupéry.

Um livro infantil escrito para adultos. Sim, pois além de agradar as crianças, ele também tem a incrível capacidade de fazer os adultos retornarem à infância, relembrando coisas simples, mas importantes, que deixamos de lado quando crescemos. Talvez esse sentimento de nostalgia explique o sucesso que o livro fez, e ainda faz, em todo o mundo. Diz-se que depois da Bíblia, é o livro mais traduzido (170 línguas ou dialetos), o livro francês mais vendido (cerca de 80 milhões de exemplares), além de inspirar filmes, peças, músicas etc. O livro e o autor até possuem um museu no Japão (www.lepetitprince.co.jp).

Mas o que há de tão especial nesta fábula infantil? Publicada em 1943 nos Estados Unidos - o autor era refugiado da 2ª Guerra Mundial - conta a história de um principezinho que mora em um planeta do tamanho de uma casa. Ele resolve partir em uma jornada que o leva através de vários planetas até aterrissar na Terra. No caminho conhece vários personagens peculiares, como o rei, o vaidoso, o bêbado, o empresário, o acendedor de lampiões, o geógrafo, a serpente, a raposa, o vendedor, o manobreiro e o aviador. Todos eles têm algum ensinamento - bom ou mau - a repassar ao pequeno príncipe, assim como ele tem lições a ensinar a cada um desses.

As interpretações das passagens do livro são tão diversas que seria praticamente impossível enumerar a todas. Isso acontece porque cada um interpreta conforme o seu íntimo, como que aplicando a regra ensinada pela raposa ao príncipe: "Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos". Se ora sorrimos em uma passagem do texto, ora ficamos pensativos em outra. Algumas carapuças servem, outras não. Talvez amanhã as primeiras já não nos caibam, e as últimas sim.

A tradução brasileira é de Dom Marcos Barbosa. O livro pode ser lido online, inclusive com ilustrações originais do próprio autor.

Antoine-Jean-Baptiste-Marie-Roger Foscolombe de Saint-Exupéry, ou somente Aintoine de Saint-Exupéry, foi escritor, ilustrador e aviador durante a 2ª Guerra Mundial. Faleceu em 1944 quando o seu avião caiu no Mar Mediterrâneo. Em 2004 foram encontrados os destroços do avião, mas não o seu corpo. Talvez acontecera com ele exatamente o que escreveu sobre o pequeno príncipe: "Tenho certeza que ele voltou ao seu planeta, pois, ao raiar do dia, não encontrei o seu corpo. Não era um corpo tão pesado assim... E gosto, à noite, de escutar as estrelas".

leitura em: Maio 2007
título: O Pequeno Príncipe (Le Petit Prince), de Antoine de Saint-Exupéry
edição: 48ª, Agir Editora (2006), 95 pgs
Excelente

[post reatualizado em 09/01/2009]
Postar um comentário