Franklyn (2008)

Alguém disse uma vez, que a religião era vista pelas pessoas comuns como verdadeira, pelos sábios como falsa e pelos governantes como útil.

Uma pessoa pode ficar presa dentro de si mesma por tempo demais.

A pouca fé que tenho, a tenho em você.

O mundo está cheio de pessoas enviadas para nos ajudar. Na maioria das vezes, apenas não as vemos.

Se um Deus deseja impedir o mal, mas não é capaz, então não é onipontente. Se é capaz, mas não deseja, então deve ser malévolo. E se não é capaz nem deseja, então por que chamá-lo de Deus?

A vida já é uma senhora aventura, do jeito que é. Sem precisar inventar mais nada.


SINOPSE
O Filme é uma narrativa passada simultaneamente entre uma Londres contemporânea e em uma metrópole futura governada pelo fervor religioso. A história envolve de quatro almas, divididas entre dois mundos paralelos, que estão caminhando para uma colisão explosiva e quando uma única bala decidirá o destino de todos. No filme, Ryan Phillippe interpreta Preest, um detetive mascarado à procura de seu inimigo pelas ruas de Meanwhile City, uma metrópole governada pela fé e pelo fervor religioso. Bernhard Hill é Esser, um homem falido em busca de seu filho rebelde pela cidade de Londres. Sam Riley interpreta Milo, um garoto de coração partido que tenta, desesperadamente, encontrar o caminho de volta "à pureza do primeiro amor". E por fim, Eva Green vive Emília, uma estudante de arte, que produz trabalhos cada vez mais complexos e "de morte".

LINQUES
Site oficial
IMDB
Wikipédia

TRAILER
Postar um comentário